Português   English   Español

EUA exigem libertação imediata de presos políticos no Irã

A Casa Branca denunciou nesta quarta-feira (10/01) que, de acordo com alguns relatórios, o regime iraniano prendeu “milhares” de pessoas por participação em protestos, torturou e matou algumas delas, e exigiu a “liberdade imediata de todos os presos políticos” do país.

Sarah Sanders, porta-voz da Casa Branca, declarou em comunicado:

A Administração de Trump está profundamente preocupada com informações de que o regime iraniano prendeu milhares de cidadãos iranianos na última semana por participarem de protestos pacíficos.

De acordo com informações publicadas ontem, cerca de 3.700 manifestantes já foram presos pela polícia iraniana.

O comunicado da Casa Branca acrescentou:

Outros informes de que o regime torturou ou matou alguns destes manifestantes enquanto estavam detidos são ainda mais preocupantes. Não seguiremos em silêncio enquanto a ditadura iraniana reprime os direitos básicos dos seus cidadãos e faremos com que os líderes do Irã prestem contas de qualquer violação.

A porta-voz assegurou que os manifestantes do Irã “estão expressando queixas legítimas, incluindo pedidos pelo fim da opressão e da corrupção do governo e esbanjamento dos recursos nacionais em uma aventura militar”.

 

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter