EUA miram confisco de gasolina do Irã rumo à Venezuela

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

A medida do governo norte-americano se inscreve na escalada da pressão contra Teerã e Caracas. 

O governo dos Estados Unidos emitiu uma ordem de confisco da carga de quatro petroleiros que transportam gasolina do Irã para a Venezuela, alegando laços com uma “organização terrorista estrangeira”.

O anúncio foi feito, nesta quinta-feira (2), pelo Departamento de Justiça dos EUA. 

A decisão afeta os navios Bella, Bering, Pandi e Luna, que se dirigem à Venezuela. 

A carga envolve afiliados aos Guardiões da Revolução do Irã, exército encarregado de defender os valores ideológicos da república islâmica e que consta da lista negra norte-americana de “organizações terroristas estrangeiras”.

Em um comunicado, segundo o portal UOL, o Departamento de Justiça declarou:

“Os ganhos com a venda de petróleo respaldam toda a gama de atividades nefastas dos Guardiões da Revolução, como a proliferação de armas de destruição em massa e suas formas de distribuição, o apoio ao terrorismo e vários abusos contra os direitos humanos, no país e no exterior.”

A ordem de apreensão, emitida pelo juiz federal James Boasberg, não informa como o governo americano prevê confiscar a carga.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.