- PUBLICIDADE -

EUA negam envolvimento com suposto atentado contra Maduro

- PUBLICIDADE -

O diplomata americano John Bolton, alto funcionário da Casa Branca, negou neste domingo (5) a possibilidade de haver qualquer participação dos Estados Unidos no suposto ataque.

A ditadura da Venezuela diz que Maduro foi alvo de uma operação terrorista com drones equipados com explosivos, em Caracas, no último sábado (4).

Ontem, durante um evento militar na capital da Venezuela, Nicolás Maduro alega ter sido vítima de uma tentativa de assassinato.

Horas depois, o ataque foi atribuído, por ele, aos governos da Colômbia e dos Estados Unidos.

Mas, segundo John Bolton, conselheiro da presidência para assuntos de Segurança Nacional, podem ser muitos os responsáveis por esse ataque, menos os Estados Unidos.

 

Adaptado da fonte Sputnik
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -