- PUBLICIDADE -

EUA ordenam saída de funcionários não essenciais da Nicarágua

- PUBLICIDADE -

O governo dos Estados Unidos ordenou na sexta-feira (5) a saída dos funcionários não essenciais da Nicarágua depois da forte repressão do presidente Daniel Ortega que já deixou mais de 230 mortos em 80 dias de protestos.

Washington “ordenou a saída dos funcionários que não considerados de emergência” e pediu a seus cidadãos que reconsiderem viagens à Nicarágua em consequência dos “crimes, distúrbios civis e disponibilidade limitada de atendimento médico”, segundo um comunicado.

A embaixada americana advertiu:

Fortemente armados, parapoliciais com roupas civis e controlados pelo governo, às vezes centenas deles, operam em grande parte do país, incluindo Manágua.

A representação diplomática também pediu a seus cidadãos que evitem os locais de manifestações ante “a possibilidade de que aconteçam problemas de violência”.

Após os protestos que explodiram em 18 de abril, o governo americano ordenou a saída do país de parentes dos funcionários diplomáticos.

 

Com informações da AFP
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -