- PUBLICIDADE -

EUA propõem tarifas adicionais a 89 produtos da União Europeia

EUA propõem tarifas adicionais a 89 produtos da União Europeia
- PUBLICIDADE -

Em maio de 2018, a OMC concluiu que os subsídios da UE prejudicaram interesses da empresa norte-americana Boeing.

O Escritório do Representante Comercial dos Estados Unidos (USTR) propôs tarifas adicionais a produtos da União Europeia em resposta a prejuízos causados por subsídios do bloco a aeronaves da Airbus.

O documento acrescenta 89 produtos com um valor de comércio aproximado de US$ 4 bilhões à lista inicial publicada em 12 de abril.

O texto original incluía produtos cujo valor comercial aproximado era de US$ 21 bilhões.

De acordo com o USTR, caso a decisão final da OMC sobre o caso seja emitida antes da conclusão do processo de comentários públicos, em 5 de agosto, “poderemos impor imediatamente aumentar taxas sobre produtos incluídos na lista inicial e adotar outras ações possíveis com relação a produtos da lista suplementar”.

Os EUA entraram na OMC contra subsídios à Airbus em 2004. Em 2011, a organização concluiu que a UE havia destinado US$ 18 bilhões em subsídios à companhia entre 1968 e 2006, informa a revista Veja.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -