Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

EUA reduz apoio a Arábia Saudita na guerra do Iêmen

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
EUA reduz apoio a Arábia Saudita na guerra do Iêmen

Casa Branca encerrou apoio a reabastecimento no Iêmen enquanto cresce pressão sobre Arábia Saudita.

Estados Unidos encerrou o reabastecimento de aeronaves da coalizão liderada pela Arábia Saudita combatendo rebeldes Houthi no Iêmen.

A interrupção é um aspecto divisivo do apoio norte-americano a uma guerra que levou o país do Oriente Médio à beira da fome.

Os Estados Unidos e o Reino Unido no fim do mês passado pediram cessar-fogo no Iêmen para apoiar esforços liderados pela ONU para acabar com uma guerra de quase quatro anos que já matou mais de 10 mil pessoas e desencadeou a crise humanitária mais urgente do mundo.

Segundo dados da Unicef, cerca de 400 mil crianças sofrem de desnutrição severa aguda no Iêmen e suas vidas correm perigo.

A Arábia Saudita tem uma frota de 23 aeronaves para operações de reabastecimento, incluindo seis Airbus 330 MRTT usados para o Iêmen, enquanto os Emirados Árabes Unidos dispõem de seis aeronaves Airbus.

O secretário de Defesa dos EUA, Jim Mattis, disse que o governo norte-americano segue trabalhando com a coalizão para minimizar as casualidades civis e expandir os esforços humanitários.

 

Adaptado da fonte Reuters

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email