EUA usam inteligência artificial para prever o futuro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Pentágono faz experimentos com tecnologia que parece ter saído das telas do cinema.

As Forças Armadas dos Estados Unidos estão fazendo experimentos com inteligência artificial para antecipar os movimentos dos adversários antes que eles os façam.

O Comando Norte dos EUA (NORTHCOM) conduziu recentemente uma série de testes conhecidos que combinou redes globais de sensores, sistemas de inteligência artificial e recursos de computação em nuvem em uma tentativa de “alcançar o domínio da informação” e “superioridade na tomada de decisões“. 

O general Glen VanHerck, comandante do NORTHCOM, disse que as ferramentas testadas podem algum dia oferecer ao Pentágono uma robusta “capacidade de ver dias de antecedência“.

Em outras palavras, esta tecnologia significa que os EUA podem prever o futuro com alguma confiabilidade com base na avaliação de padrões, anomalias e tendências. 

O conceito parece algo saído direto dos filmes de Hollywood, mas o comandante do NORTHCOM garantiu que essa capacidade já está ativada em ferramentas disponíveis no Pentágono.

Durante entrevista recente no Congresso dos EUA, o general declarou que a tecnologia não faz a previsão de “minutos e horas”, mas de “dias”.

A capacidade de ver dias de antecedência cria espaço de decisão. Espaço de decisão para mim, como comandante operacional, para potencialmente posicionar forças para criar opções de dissuasão para fornecer isso ao secretário ou mesmo ao presidente”, acrescentou Glen VanHerck.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.