Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Eurocâmara aprova projeto para tentar conter influência da China

Eurocâmara aprova projeto para tentar conter influência da China
COMPARTILHE

O texto busca reforçar a cooperação entre países, com o apoio da Comissão Europeia, quando investidores de terceiros países demonstram interesse por empresa europeias de setores sensíveis.

A medida foi aprovada nesta quinta-feira (14) pela Eurocâmara em um momento de preocupação com as atividades do grupo chinês de telecomunicações Huawei.

Foi criado um dispositivo europeu de controle de investimentos estrangeiros na União Europeia (UE), que pretende responder às incertezas dos grandes países sobre as aquisições, principalmente da China, em setores estratégicos.

A comissária europeia do Comércio, Cecilia Malmström, afirmou:

“Esta legislação é totalmente neutra e não discrimina, mas não escapa a ninguém […] que há uma questão a respeito da China.”

França e Alemanha exigiam esta legislação para um controle mais efetivo de determinadas operações, preocupados com grupos estrangeiros, especialmente chineses, que adquirem a um preço menor e, na sua visão, de maneira injusta conhecimentos e tecnologias vitais ao comprar suas empresas.

Segundo o Correio Braziliense, o autor do texto na Eurocâmara, Franck Proust (PPE), afirmou que com o instrumento, a Europa terá uma proteção melhor.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários