Europa pós-Islã: policiais armados vão proteger cidadãos da Suécia durante corridas

Idiomas:

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Moradores da cidade sueca de Oskarshamn agora têm a opção de ser acompanhados por policiais armados enquanto estiverem correndo.


O inspetor policial, Peter Karlsson, disse que o programa foi projetado para aliviar as inseguranças daqueles que desejam fazer corridas durante a noite.

A polícia vai formar grupos e todos os que estiverem interessados em se juntar aos oficiais na corridinha norturna serão bem-vindos.

Karlsson disse ter ouvido falar que muitos cidadãos se sentem inseguros na cidade:

Isso não acontece muito aqui, mas as pessoas são influenciadas por eventos em todo o mundo e se sentem inseguras quando está escuro.

E as pessoas estão certas de se sentirem inseguras, principalmente as mulheres.

De acordo com matéria que publicamos dia atrás, a Suécia enfrenta um aumento catastrófico no número de crimes sexuais no país: 190 mil casos registrados em 2016, um aumento de 35% se comparado ao ano de 2015.

Este é o preço que se paga por manter as fronteiras abertas para imigrantes muçulmanos com uma cultura totalmente diferente e, em sua grande maioria, sem nenhuma intenção de se integrar ao estilo de vida ocidental.

Com informações de: (1)

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...