Português   English   Español

Evo Morales acusa EUA de atentar contra a paz na Nicarágua

O protoditador da Bolívia, Evo Morales, acusou o governo dos Estados Unidos de querer “encurtar o mandato constitucional na Nicarágua com eleições antecipadas”.

“É um anúncio de golpe que ameaça o diálogo e a paz na Nicarágua”, disse Evo Morales em sua conta no Twitter.

O líder da Bolívia criticou a “obsessão [de Washington] pela interferência nos assuntos internos dos países soberanos” e afirmou que “os Estados Unidos não são donos do mundo”.

Na terça-feira (24), o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, escreveu em sua conta no Twitter que os Estados Unidos solicitam que o governo da Nicarágua realize eleições antecipadas e “coloque um fim à violência”.

Pence culpou as autoridades nicaraguenses pela morte de mais de 350 pessoas durante os tumultos e afirmou que “a violência na Nicarágua patrocinada pelo Estado é inegável”.

Deixe seu comentário

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter