Ex-agente da CIA é acusado de pornografia infantil e vazamento de documentos secretos

O ex-agente da CIA, Joshua Schulte, foi acusado nesta segunda-feira (18) pelos crimes de pornografia infantil e por roubar informações confidenciais da defesa dos Estados Unidos.

A Procuradoria do Distrito Sul de Nova York foi a responsável pela acusação. O agente enviava o material secreto para uma organização que divulga essas informações publicamente.

Em comunicado de imprensa, o Departamento de Justiça explicou:

Joshua Schulte, um ex-funcionário da CIA, supostamente usou seu acesso à agência para transmitir materiais secretos para uma organização externa. Durante o curso desta investigação, agentes federais também descobriram suposta pornografia infantil na residência de Schulte em Nova York.

O comunicado acrescenta:

Nós e nossos parceiros de segurança pública estão comprometidos em proteger as informações de segurança nacional e garantir que as pessoas confiáveis para lidar com elas honrem suas importantes responsabilidades. A divulgação ilegal de informações secretas pode representar uma grave ameaça à nossa segurança nacional, potencialmente colocando em risco a segurança dos americanos.

 

Com informações da Sputnik Brasil
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia