PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Ex-chanceler dos EUA critica centenário comunista da China

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Ex-membro do governo Trump teceu duras críticas à China.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Nesta quinta-feira, 1º de julho, o Partido Comunista Chinês (PCCh) celebrou 100 anos no poder. 

Mike Pompeo, ex-chanceler dos Estados Unidos na gestão de Donald Trump, se manifestou na rede social Twitter sobre o centenário do partido.

Cem anos do PCC são um século de campos de matança e genocídio”, escreveu Pompeo.

Nenhum partido político matou mais pessoas do que o PCC”, acrescentou o ex-chanceler.

Em pronunciamento feito no Portão de Tiananmen, de onde seu distante antecessor Mao Tsé-Tung proclamou a República Popular em 1949, o mandatário Xi Jinping enfatizou:

“O povo chinês não permitirá nunca que forças estrangeiras o intimidem e o oprimam. Quem tentar, corre o risco de ser aniquilado diante de uma Grande Muralha de aço construída por 1,4 bilhão de chineses.”

Os comentários foram feitos diante de uma multidão de jovens e integrantes do partido reunidos na Praça Tiananmen.

Como noticiou a Renova, ainda durante o discurso, Xi completou:

“O grande renascimento da nação chinesa entrou em um processo histórico irreversível.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.