- PUBLICIDADE -

Ex-presidente da Braskem é preso nos EUA por corrupção

Ex-presidente da Braskem é preso nos EUA por corrupção

- PUBLICIDADE -

Grubisich foi detido no aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, nesta quarta-feira (20).

O empresário José Carlos Grubisich, ex-presidente da Braskem, foi preso, nesta quarta-feira (20), em Nova York, sob acusações federais de corrupção.

Grubisich foi acusado de conspiração por violar uma lei de corrupção estrangeira dos Estados Unidos e por conspiração para lavagem de dinheiro, informa o jornal Folha de S.Paulo.

Em nota, a Braskem destacou que tem “colaborado e fornecido informações às autoridades competentes como parte do acordo global assinado em dezembro de 2016, que engloba todos os temas relacionados à Operação Lava Jato”. 

A empresa diz ainda que vem fortalecendo seu sistema de conformidade e reitera seu compromisso com a atuação ética, íntegra e transparente, segundo o jornal Estadão.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -