Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Ex-presidente do Paquistão é condenado à morte por traição

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Ex-presidente do Paquistão é condenado à morte por traição

Musharraf foi considerado culpado ao abrigo do artigo 6 por violação da Constituição do Paquistão.

Um tribunal do Paquistão condenou à pena de morte o antigo presidente do país, Pervez Musharraf

Aliado de George W. Bush, ex-presidente dos Estados Unidos, na “guerra contra o terrorismo”, Musharraf foi dado como culpado de alta traição e subversão da Constituição.

As acusações contra o réu tinham respaldo na imposição do estado de emergência no país, em 2007, ano em que a oposição interna ao seu governo começava a ganhar força. 

De acordo com esta decisão, entre novembro daquele ano e fevereiro de 2008, foram suspensas as liberdades civis e os processos democráticos, verificando-se sucessivas violações dos direitos humanos, informa a agência EBC.

Musharraf encontra-se atualmente fora do Paquistão. Em novembro, o general divulgara uma mensagem em vídeo, a partir de um hospital em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, quando disse que não estava tendo um julgamento justo. 

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias