PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Ex-presidente e ministros da Bolívia recebem ordem de prisão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Após a renúncia de Morales, Añez se autoproclamou presidente interina da Bolívia.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O Ministério Público da Bolívia ordenou, nesta sexta-feira (12), a prisão da ex-presidente Jeanine Añez

Além dela, ministros de seu governo também foram presos, além do ex-comandante das Forças Armadas e do ex-chefe da polícia.

Todos foram presos por terem pedido a renúncia do então presidente Evo Morales durante a crise política de outubro e novembro de 2019. 

Após a renúncia de Morales, Añez se autoproclamou presidente interina, com apoio dos militares, e ficou no cargo por quase um ano.

A situação ocorre no momento em que o partido no poder, o Movimento ao Socialismo (MAS), inicia um julgamento por suposto golpe de Estado contra vários opositores e ex-líderes militares. 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.