Ex-procurador da Lava Jato propaga gravação de editor do Intercept

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Áudio supostamente mostra editor do Intercept e colegas falando de erros nos diálogos nas reportagens contra a Lava Jato.

O ex-procurador da Lava Jato, Carlos Fernando dos Santos Lima, compartilhou na rede social Facebook uma notícia sobre uma gravação envolvendo o editor executivo do site Intercept, Leandro Demori.

A gravação foi feita pelo jornalista Oswaldo Eustáquio e divulgada — em 30 de junho — no site República de Curitiba Online.

De acordo com o texto da matéria, os áudios mostram “possíveis erros em mensagens da Vaza Jato”. Para Santos Lima, trata-se de uma “denúncia grave que precisa ser investigada”.

Oswaldo afirmou que a divulgação das conversas entre os jornalistas do Intercept não é ilegal. Segundo ele, Demori e os colegas falaram em voz alta.

Na gravação divulgada pelo ex-procurador, Demori, que é um dos responsáveis pelas publicações das supostas conversas entre o ex-juiz Sergio Moro e os procuradores da Lava Jato, conversa com colegas.

O portal sugere que o jornalista admite que o Intercept fez alterações nos diálogos da “Vaza Jato”.

“A gente tá passando recibo […] A gente escolheu pra nós. Ta aqui ó, ninguém faz isso. A gente tá passando recibo. A gente tomou uma decisão”, disse Demori em um café na cidade de São Paulo.

Ainda nos áudios divulgados, Demori e seus interlocutores falam sobre erros nas mensagens:

“Tava tudo errado. O que por exemplo estava errado? Tudo tava errado. Nomes, data, blocos, citação. Tudo errado”, declarou o editor do Intercept. “Absolutamente tudo errado”, respondeu outra jornalista.

Procurado pelo site Poder360, Demori não quis comentar o caso. Confira o vídeo:

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.