Ex-segurança cumpria ordens da falecida esposa de Lula no sítio de Atibaia

Ex-funcionário da equipe de seguranças de Lula, o militar Itamar de Oliveira, contou ao juiz Sergio Moro, na tarde desta quarta-feira (13), que prestava serviços e cumpria ordens de Marisa Letícia no sítio de Atibaia.

A defesa do ex-presidente nega que ele seja proprietário do imóvel, e diz que Lula frequentava o local a convite de Fernando Bittar, cujo nome consta como dono de parte do imóvel.

Oliveira contou que trabalhou seis anos com Rogério Aurélio Pimentel, assessor de Lula, e que atendia “especialmente” aos pedidos da ex-primeira dama em serviços no sítio.

De acordo com informações do jornal O Globo:

Ele disse que, entre dezembro de 2010 e janeiro de 2011, período em que foi feita a reforma no imóvel, levava Aurélio a Atibaia de três a quatro vezes por semana.

– Ele (Aurélio) era um office boy de luxo, mas não tinha poder nenhum. Quem mandava era Dona Marisa. Quando nós chegávamos lá na residência do senhor presidente, dona Marisa determinava o que era pra ser feito, e nós íamos fazendo o serviço – disse Oliveira, arrolado como testemunha de defesa de Aurélio em depoimento a Moro.

 

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia