Português   English   Español
Português   English   Español

Ex-senador Clésio Andrade condenado no mensalão tucano em MG

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O ex-senador Clésio Andrade (MDB-PR), atual presidente da Confederação Nacional dos Transportes, recebeu uma sentença de cinco anos, sete meses e 15 dias em regime semiaberto por desvios em estatais mineiras.

Ele foi condenado a 5 anos, 7 meses e 15 dias de reclusão por participar do esquema de desvios de R$ 3,5 milhões em estatais mineiras em 1998.

Chamado de mensalão tucano, o esquema serviu para financiar a fracassada campanha à reeleição para o governo de Minas Gerais de Eduardo Azeredo (PSDB), tendo como operador o publicitário Marcos Valério, conhecido anos depois pelo processo do mensalão.

De acordo com informações da Folha:

Andrade à época era candidato a vice-governador na chapa de Azeredo, já condenado em 2ª instância a 20 anos e um mês de prisão por peculato (desvio de dinheiro público) e lavagem de dinheiro.

Em sentença proferida na sexta-feira (11), a juíza Lucimeire Rocha, da 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte, disse que o ex-senador praticou lavagem de dinheiro por meio de empresas de Marcos Valério.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email:

Fique tranquilo(a), assim como você também odiamos spam, você poderá sair quando quiser :)

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Pátria Educadora. Garanta sua vaga!