- PUBLICIDADE -

Ex-vice de Cristina Kirchner é condenado em escândalo de corrupção

- PUBLICIDADE -

Amado Boudou, importante aliado de Cristina Kirchner, foi condenado por receber suborno em negociações incompatíveis com a função pública.

O ex-vice-presidente da Argentina, Amado Boudou, foi condenado nesta terça-feira (7) a 5 anos e 10 meses de prisão por tentar apropriar-se de uma empresa privada de impressão de papel moeda e documentos, um dos casos de corrupção mais falados durante o kirchnerismo.

Boudou, de 55 anos, foi condenado por um tribunal federal por receber suborno em negociações incompatíveis com a função pública.

As negociações eram para a aquisição, por meio de laranjas, de 70% da empressa Ciccone Calcográfica quando exercia a função de ministro da Economia durante o mandato de Cristina Kirchner (2007-2015).

O tribunal não forneceu mais esclarecimentos e aplicou uma multa de 90 mil pesos (cerca de US$ 3,2 mil ) e estabeleceu sua inelegibilidade permanente para cargos públicos.

 

Com informações da Gazeta do Povo
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -