Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Exército abre processo administrativo contra vice de Crivella

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Bolsonaro está em jingle e imagem da campanha de Crivella
COMPARTILHE

A vice de Crivella está na ativa e é lotada no Centro de Idiomas do Exército (CIDEx), no Rio.

O Exército Brasileiro abriu um processo administrativo contra a tenente-coronel Andréa Firmo, candidata a vice na chapa de Marcelo Crivella (Republicanos), que tenta a reeleição à Prefeitura do Rio de Janeiro

O motivo é um santinho da campanha em que a militar aparece vestida com uma farda camuflada e uma boina azul da Organização das Nações Unidas (ONU).

O “uso de uniformes” em manifestação político-partidária é proibido pelo artigo 77 do Estatuto dos Militares e considerada uma “transgressão” pelo Regulamento Disciplinar do Exército (RDE).

A efetiva participação da candidata a vice de Crivella na elaboração do “santinho” está sob apuração.
As punições, dependendo do caso, vão de advertência a detenção, destaca o jornal Estadão.

A imagem do presidente da República, Jair Bolsonaro, também foi inserida no material gráfico divulgado pelo prefeito. O nome do chefe do Executivo também foi incluído num jingle.

“Junto com Bolsonaro é Crivella”, diz um trecho do jingle, uma versão inspirada em uma canção da artista Marília Mendonça, como noticiou a RenovaMídia.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram