Português   English   Español

Exército de Portugal abastece postos em meio a greve de caminhoneiros

Exército de Portugal abastece postos em meio a greve de caminhoneiros
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Até mesmo aliados da atual administração esquerdista consideram que as medidas do governo português constituem limitações ao direito de greve.


Enfrentando os efeitos do segundo dia de uma greve de caminhoneiros, o governo de Portugal decretou emergência energética e mobilizou o Exército para conduzir caminhões e abastecer postos de combustíveis.

Outra medida adotada prevê que grevistas possam ser detidos caso não cumpram um serviço mínimo estipulado pelo governo.

Além disso, um racionamento foi estipulado em todo o território português, limitando o abastecimento a 15 litros de gasolina ou diesel por veículo particular.

Os postos em situação mais críticas e aeroportos começaram a receber, nesta terça-feira (13), os primeiros caminhões, guiados por militares, que substituíram os caminhoneiros no volante, informa a revista Veja.

O fornecimento nos aeroportos está garantido, embora em Lisboa estejam mantidas algumas restrições ao abastecimento de aeronaves.

Com relação aos postos de gasolina, mais de 400 seguem sem combustível em todo o país, obrigando muitos cidadãos a buscarem combustível na vizinha Espanha, como noticiou a RENOVA.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on reddit
Share on linkedin
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...