- PUBLICIDADE -

‘Exército de rastreadores’ percorrerá Nova York em busca de infectados

‘Exército de rastreadores’ percorrerá NY em busca de infectados
Imagem: Reprodução/AP
- PUBLICIDADE -

NY registrou mais de 257 mil casos confirmados de coronavírus e pelo menos 15 mil mortes.

Com mais de 250 mil casos confirmados de coronavírus e 17,6 mil mortes, o estado de Nova York é o epicentro da pandemia nos Estado Unidos

Em entrevista coletiva, nesta quarta-feira (22), o governador Andrew Cuomo disse que NY terá um grande “exército de rastreadores” em busca de moradores infectados.

Após informar que a operação será coordenada pelo ex-prefeito Mike Bloomberg, segundo a agência France-Presse, o governador declarou:

“O rastreamento é muito, muito importante. Depois de detectados, os casos positivos serão isolados, ficarão em quarentena, não poderão sair, nem infectar mais ninguém. Essa operação nunca foi feita antes. É desafiadora.”

Cuomo disse que há cerca de 500 “rastreadores” do vírus trabalhando no estado de Nova York, mas o número deve aumentar para milhares nas próximas semanas.

“Esta é uma tarefa monumental” que “nunca foi realizada”, disse Cuomo, destacando que funcionará melhor se realizada em coordenação com os vizinhos Connecticut e Nova Jersey.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -