Português   English   Español

Extremista de esquerda da França visita Lula em Curitiba

Extremista de esquerda da França visita Lula em Curitiba
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

“Ele nos chamou à resistência”, disse Mélenchon após encontro com o condenado Lula.


Jean-Luc Mélenchon, líder do partido de extrema-esquerda “A França Insubmissa”, afirmou que recebeu “energia” de Lula da Silva (PT), ao visitá-lo, nesta quinta-feira (5), em Curitiba, onde o ex-presidente está preso.

O deputado da França qualificou o então juiz Sergio Moro, que em 2017 condenou Lula na primeira instância, de “personalidade politicamente corrompida”.

Melénchon afirmou que Moro, atual ministro da Justiça do presidente Jair Bolsonaro, está “disposto a sujar a justiça de seu próprio país para levar até o fim o processo político” contra Lula.

O líder esquerdista francês foi à sede da Polícia Federal (PF) em Curitiba, onde Lula está preso desde abril de 2018, após ser condenado a 8 anos e 10 meses por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

“Ele nos chamou à resistência”, disse o deputado francês, explicando que “grande parte da conversa envolveu o uso da justiça em julgamentos políticos, a lei”, segundo o site UOL.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on reddit
Share on linkedin
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...