PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Facebook censura conservadores antes de eleição na Espanha

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Os conservadores da Espanha devem angariar o maior número de votos desde a redemocratização do país. Facebook está tentando impedir que isto aconteça.

A rede social Facebook tirou do ar várias páginas ligadas a partidos direitistas da Espanha. Juntas elas alcançavam quase 1,7 milhão de pessoas.

Como de costume, a velha imprensa está compartilhando a notícia como se a rede social de Mark Zuckerberg estivesse agindo contra os malvados membros da “extrema direita”.

A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (25) poucos dias antes das eleições nacionais espanholas, onde é esperada uma ascensão do apoio ao conservadorismo do partido Vox.

Segundo a VEJA, as páginas foram banidas depois de uma investigação da Avaaz, uma ONG americana que já recebeu milhões em financiamento do bilionário globalista George Soros.

Segundo a ONG, a censura foi efetuada pelo Facebook como base em “comportamentos suspeitos em uma série de perfis ligados à extrema direita” que publicaram “mensagens de teor misógino, homofóbico e islamofóbico”.

O Facebook negou que as páginas espanholas tenham sido tiradas do ar por seu conteúdo.

Entre as contas deletadas, a maior era a da Unidade Nacional Espanhola (UNE), com mais de 1,2 milhão de seguidores. A UNE, somada às outras, tinha mais de 7 milhões de interações mensais.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.