Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Fachin defende aprimoramento das leis eleitorais

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Fachin defende aprimoramento das leis eleitorais

Fachin defendeu um sistema eleitoral organizado em um conjunto de normas legais como “a base de uma democracia”.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, defendeu, nesta segunda-feira (27), o aprimoramento das leis eleitorais para garantir “estabilidade da democracia”.

Durante discurso, nesta segunda-feira (27), na abertura do evento Diálogos para a Construção da Sistematização das Normas Eleitorais, no TSE, Fachin declarou:

“No país que demanda união em torno da democracia, das instituições democráticas, da liberdade individual e da autodeterminação coletiva por meio da democracia representativa, num tempo mesmerizado por autocratas de ocasião, a obra da Justiça Eleitoral, na agenda de eleições periódicas que se avizinham, em 2020 e 2022, também carrega o selo do compromisso com a democracia de todos e de cada um.”

E, segundo o jornalista Fausto Macedo, acrescentou:

“Dentro das regras do jogo, sob a legalidade constitucional, que cada um possa chamar de sua a tarefa de preservar a democracia, a normalidade e a legitimidade das eleições, e compartilhar um futuro que dê respostas adequadas às interrogações do presente.”

O ministro defendeu um sistema eleitoral organizado em um conjunto de normas legais como “a base de uma democracia” que garante “eleições livres, justas, diretas e periódicas”.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias