Família americana presa no Afeganistão clama por ajuda de Biden

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

"Por favor, ajude todas essas famílias que estão nas ruas”, diz Haroon.

Mais de 700 pessoas, incluindo 150 cidadãos dos Estados Unidos, foram removidos do Afeganistão desde o retorno dos voos no Aeroporto de Cabul nesta terça-feira (17). 

Embora o Pentágono tenha alertado que iria retaliar rapidamente qualquer ataque do Talibã contra americanos, muitos deles ainda estão presos no país e implorando por ajuda.

Haroon, um cidadão americano preso em Cabul, no Afeganistão, descreveu cenas de caos na sua região em uma entrevista à emissora Fox & Friends:

“Estou tentando tirar minha família daqui. Eles não merecem isso — ficar no Afeganistão, para lidar com o Talibã. Todos deveriam sair daqui o mais rápido possível. Não temos mais segurança.”

Haroon alega ter recebido um e-mail dizendo que a embaixada dos EUA estava aberta, mas foi recebido por membros do grupo terrorista Talibã quando chegou.

“Eu vi o Talibã sentado lá. Não consegui ter coragem para perguntar a eles: ‘Ei, sou americano. Quero ir para a embaixada’.”

O cidadão deixou esta mensagem para o presidente Biden: 

“Por favor, ajude todas essas famílias que estão nas ruas. Seus filhos não merecem isso. Eles ajudam você e ajudam a América, ajudam o mundo. Eles colocam suas vidas em risco para ajudar o mundo , para fazer a coisa certa. Isso é o que minha família fez.”

E acrescentou:

“Todas essas pessoas que estão indo ao aeroporto, 80% delas, têm uma papelada que prova que trabalharam com os Estados Unidos. E agora o Talibã está bem ali.”

Haroon completou:

“Precisamos de ajuda imediata. Sr. Biden, por favor, ajude todos esses afegãos que o apoiaram, que o ajudaram. Essas pessoas merecem isso, e eu precisava fazer isso por eles.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.