- PUBLICIDADE -

Faria conversa com TCU sobre critérios para mídia programática

Faria conversa com TCU sobre critérios para mídia programática

- PUBLICIDADE -

“Tem que chamar o Google para explicar como eles fazem essa escolha de veículos”, diz Faria sobre anúncios em sites de notícias.

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou, neste domingo (26), que está “fazendo um acordo” com o Tribunal de Contas da União (TCU) para “estabelecer parâmetros” para contratação de mídia programática.

Em entrevista ao jornal O Globo, Faria foi questionado se o governo continuará investindo neste tipo de publicidade sabendo que “parte das verbas irriga sites que disseminam fake news”. 

O ministro respondeu:

“Essas foram contratações no Google, e ele que escolhe os sites, através das agências. Não foi a Secom que contratou diretamente aqueles sites. O próprio TCU está debruçado sobre isso para estabelecer critérios, e eu estou esperando que esses parâmetros venham para o ministério. Agora, também tem que chamar o Google para explicar como eles fazem essa escolha de veículos.”

“O cliente pode vetar determinados tipos de sites”, acrescentou o jornalista, sem especificar quais critérios seriam utilizados para determinar que um site é disseminador de fake news. 

Faria concluiu:

“Foi preciso esse fato ocorrer para que a gente identificasse o problema. Agora, a gente não quer que aconteça novamente. Quero me aprofundar nesse debate com o TCU.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -