Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Farra das viagens de conselhos ministeriais na mira de Bolsonaro

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Farra das viagens de conselhos ministeriais na mira de Bolsonaro
COMPARTILHE

“Em tempos de videoconferência temos que economizar”, enfatizou a ministra Damares sobre milhões investidos em viagens.

O governo do presidente da República, Jair Bolsonaro, espera alcançar uma economia milionária com a decisão de frear a farra de viagens de conselhos ministeriais.

Apenas no Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, por exemplo, são gastos cerca de R$4 milhões anuais em passagens, diárias e hospedagem de quase 400 conselheiros.

Só em 2018, o vai-e-vem custou exatos R$3.936.279,47 com a presença de representantes de ONGs em 14 conselhos de direitos humanos e afins, segundo informações da coluna de Cláudio Humberto, no jornal Diário do Poder.

No ano passado, apenas os conselhos “Juventude e sobre Mortos” e “Desaparecidos Políticos” torraram R$984 mil com as viagens.

A ministra Damares Alves se assustou ao descobrir o custo espantoso com viagens de 396 conselheiros pendurados no seu ministério.

“Imagine quantas crianças, mulheres e idosos consigo salvar com R$ 4 milhões. Isso é quatro vezes maior que o orçamento da Secretaria da Pessoa Idosa”, disse Damares em seu perfil no Twitter.

“Em tempos de videoconferência temos que economizar”, acrescentou.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.