- PUBLICIDADE -

FBI nega entrega de relatório sobre encontro secreto entre Obama e Comey

- PUBLICIDADE -

O FBI declarou que não divulgará documentos sobre a reunião secreta entre o ex-diretor do FBI, James Comey, e o ex-presidente Barack Obama.

Uma fundação conservadora entrou na justiça (FOIA) requisitando que o FBI divulgasse o registro dos encontros entre Comey e Obama sob alegação de que as reuniões são de interesse público e estão relacionadas com a integridade do governo anterior.

Informações sobre um encontro secreto entre os dois no dia 5 de janeiro de 2017 fizeram com que a Daily Caller News Foundation entrasse com a requisição judicial.

Susan Rice, assessora de segurança nacional de Obama, a ex-procuradora-geral Sally Yates e o ex-vice-presidente Joe Biden também participaram da reunião.

James Comey não informou ao Comitê de Inteligência do Congresso sobre esta reunião com o ex-presidente nas vésperas de Donald Trump assumir o poder. Esta omissão deixa claro que o antigo chefe da Polícia Federal dos Estados Unidos escondeu a natureza real do seu relacionamento com Obama.

Christopher Bedford, editor-chefe do Daily Caller, classificou a negação do FBI de “vergonhosa“:

O FBI nos disse que o fato do diretor James Comey ter potencialmente mentido ao Congresso não é do nosso interesse, que não afeta a “integridade” deles, e que não deve afetar a “confiança” dos Estados Unidos na Polícia Federal. Nós discordamos, pensamos que o povo americano não concorda, e achamos que é absolutamente vergonhoso.

 

Com informações de: [TDC]
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -