Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Férias de 60 dias do Judiciário custam R$ 4 bilhões anuais

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Férias de 60 dias do Judiciário custam R$ 4 bilhões anuais
COMPARTILHE

A regra dos 60 dias de férias vale para os membros do MP e do Judiciário, tanto nos Estados quanto no governo federal. 

As férias de 60 dias concedidas a algumas carreiras do setor público custam ao Brasil cerca de R$ 4 bilhões anualmente.

A estimativa, que foi feita pelo governo Jair Bolsonaro, inclui despesas como o pagamento do adicional de 1/3 de férias e do abono pecuniário — a popular “venda de férias”. 

Os principais beneficiados são membros do Judiciário e do Ministério Público, que têm direito a dois meses de descanso remunerado. É o dobro da maioria dos trabalhadores, que conta apenas com 30 dias.

Além dos salários mensais, os membros do Judiciário e do MP têm direito a vantagens como ajuda de custo para despesas de transporte e mudança, para moradia nas localidades em que não houver residência oficial à disposição, salário-família, diárias e gratificações diversas, informa a revista Exame.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM