FHC clama por união do ‘centro’ para evitar ‘catástrofe’

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso relançou na noite desta quinta-feira (28), em um teatro na avenida Paulista, o “movimento em torno de um polo democrático e reformista”.

O movimento político já havia sido lançado em Brasília algumas semanas atrás, mas não empolgou.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o bloco recebeu o apoio de Marina Silva, que enviou como representante ao evento o coordenador do programa de governo de sua campanha, João Paulo Capobianco.

Em discurso contra “os aventureiros, os demagogos”, FHC declarou:

Não é fácil convencer partidos e líderes de que é preciso união. Sozinhos nós vamos para o desastre. Estamos na iminência de uma catástrofe.

O tucano foi cauteloso quando questionado sobre o nome que encabeçaria uma chapa fruto da união do centro.

‘Acho que o Alckmin tem a vantagem de ser experiente, é simples, é decente. É o único? Tem outros aí. Todo mundo sabe que eu gosto da Marina, o Álvaro [Dias] é respeitável’, finalizou.

 

Com informações de O Antagonista

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.