- PUBLICIDADE -

FHC e Lula deixam Brasil de lado ao defender a Argentina

Em dezembro, FHC testemunhará em processo de Lula
- PUBLICIDADE -

Ex-presidentes defendem a Argentina em embate com o Brasil.

Os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e Lula da Silva (PT) criticaram a proposta de redução tarifária unilateral por parte do Mercosul

FHC e Lula divulgaram, neste sábado (5), uma nota assinada em conjunto.

O texto apoia a posição de Alberto Fernández, presidente da Argentina, que é contrária à medida defendida pelo governo do Brasil.

De acordo com um trecho do documento:

“Concordarmos com a posição do presidente da Argentina, Alberto Fernández, de que este não é o momento para reduções tarifárias unilaterais por parte do Mercosul, sem nenhum benefício em favor das exportações do bloco.”

A gestão do presidente Jair Bolsonaro defende a redução da Tarifa Externa Comum (TEC) em pelo menos 20% a partir deste ano. 

A TEC é uma taxa cobrada por todos os países do Mercosul na importação de produtos de fora do bloco. 

A proposta é defendida pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, como um caminho para abrir e dinamizar a economia brasileira.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -