Filha adotiva de Damares desmente matéria da revista Época

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Foi amor à 1ª vista, o resto é mentira”, diz a índia Lulu, criada por Damares.

Após ser questionada sobre sua relação com a atual ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, a jovem índia Kajutiti Lulu Kamayurá, 20 anos, afirmou:

“Foi amor à primeira vista. Ela se apaixonou por mim e depois eu por ela. O resto é tudo mentira.”

Após a publicação de uma reportagem na revista “Época” com depoimentos de índios da aldeia Kamayurá, no norte do Mato Grosso, Lulu conversou com o “UOL” no final da tarde desta nesta quinta-feira (31) sobre o assunto.

No relato de Lulu, a ministra Damares Alves se “apaixonou” por ela e, com autorização de seus pais, a levou para casa.

Ela não sabe precisar as datas, mas diz que a mudança para casa da ministra teria ocorrido três anos após sua chegada à Brasília.

Para a filha adotiva de Damares, não houve nenhuma irregularidade na sua saída da aldeia e seu crescimento foi acompanhado pelos pais biológicos que a visitavam.

Ela não acredita que a avó paterna Tanumakaru – entrevistada pela “Época” – tenha dito que a neta foi levada irregularmente como consta na reportagem e afirma ter se despedido de todos na tribo.

Quando completou 15 anos, Lulu diz ter voltado ao Xingu. Foi bem recebida por todos os índios na aldeia e afirma que nunca houve qualquer menção a sua retirada da aldeia de forma irregular.

Lulu acredita que os depoimentos publicados pela revista são fruto de uma ação “política”. A jovem diz que ela e a ministra têm conversado constantemente, e que Damares está triste com a situação.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.