Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Filho do ditador da Guiné Equatorial visitava Brasil com frequência

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Filho do ditador da Guiné Equatorial visitava Brasil com frequência

A Polícia Federal em São Paulo está fazendo um levantamento das viagens de Teodorin Obiang ao Brasil.

A investigação está sendo conduzida dentro do inquérito aberto pela PF para para apurar o caso dos US$ 16 milhões entrando ilegalmente no Brasil em avião oficial da ditadura de Guiné Equatorial.

A bordo da aeronave estava o filho do ditador da nação africana, que também é o vice-presidente do país, Teodoro Obiang Mangue, conhecido como Teodorin.

Segundo informações recentes de O Antagonista, “o filho playboy do ditador da Guiné Equatorial vinha com frequência curtir as praias brasileiras”.

Na sexta-feira passada (14), agentes da PF encontraram US$ 16 milhões em dinheiro e relógios de luxo em duas malas da comitiva de Teodorin.

Condenado na França a três anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, o filho do ditador também tem inquéritos criminais abertos contra ele na Suíça, África do Sul, Espanha e Estados Unidos.

Nos cinco países, a suspeita é a mesma: desvio de milhões da renda do petróleo para uso pessoal, conforme reportado pela Renova Mídia.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email