- PUBLICIDADE -

Flórida tenta conter ‘influência nefasta’ do Partido Comunista Chinês

Flórida tenta conter ‘influência nefasta’ do Partido Comunista Chinês
- PUBLICIDADE -

Governador da Flórida alerta para “influência nefasta” do PCCh.

Ron DeSantis, governador da Flórida, sancionou dois projetos de lei, nesta segunda-feira (7), com o objetivo de combater a influência do Partido Comunista Chinês (PCCh) nos Estados Unidos.

Um dos projetos de lei visa cortar o acesso do PCCh às instituições acadêmicas superiores — públicas e privadas — dos EUA.

O texto proíbe essas entidades de promoverem acordos com o regime chinês ou empresas com laços estreitos com Pequim

Em entrevista coletiva, em Miami, DeSantis declarou:

“Se você olhar agora, não há uma única entidade que exerça uma influência nefasta mais difundida em uma ampla gama de indústrias e instituições americanas do que o Partido Comunista da China.”

E acrescentou:

“Tudo que estamos fazendo hoje é dizer: ‘Basta’. Precisamos começar a contra-atacar e o estado da Flórida está fazendo isso.”

A segunda legislação sancionada por DeSantis, batizada de “Lei de Combate à Espionagem Corporativa na Flórida”, tornará o roubo e a venda de segredos comerciais uma ofensa criminal.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -