Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Folha é acusada de homofobia ao debochar de Mário Frias

Folha é acusada de homofobia ao debochar de Mário Frias
Imagem: Reprodução/Folha
COMPARTILHE

“Faz insinuação homofóbica, sexualiza o que não deve”, diz jornalista.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, escolheu, nesta sexta-feira (19), o ator Mário Frias para substituir a atriz Regina Duarte no comando da Secretaria Especial da Cultura.

Ao noticiar a indicação de Frias, o jornal Folha de S.Paulo utilizou uma imagem do ator seminu, com o título: “O novo homem do presidente”.

Nas redes sociais, a forma como a Folha noticiou a chegada de Frias ao governo foi criticada até mesmo por nomes alinhados à esquerda.

“Faz insinuação homofóbica, sexualiza o que não deve. E se fosse uma atriz nua? Sairia esse título? Não é assim que se ilumina o debate”, escreveu a jornalista Vera Magalhães.

“Homofóbicas foto e legenda da Ilustrada”, diz Renan Quinalha, professor de Direito na USP.

“Vocês não acham moralista a folha postar o Mário Frias pelado e uma sugestão homoerótica no título?”, questiona Rê Côrrea, redatora da TV Globo.

A foto de Mário Frias faz parte de um ensaio feito pelo ator nos anos 2000 para o antigo site Paparazzo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários