Português   English   Español

Apoie o jornalismo independente!

Folha minimiza relação entre hacker e material do Intercept

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Folha afirma que “a prisão dos suspeitos de invadir telefones […] não dá fim aos questionamentos que ele [Sergio Moro] e investigadores de Curitiba estão enfrentando na Justiça”.


Apesar dos desdobramento da Operação Spoofing, da Polícia Federal (PF), que prendeu um grupo acusado roubar mensagens privadas de celulares de centenas de autoridades brasileiras, o jornal Folha de São Paulo tenta manter viva a narrativa propagada pelo site panfletário Intercept.

Em matéria publicada nesta quinta-feira (25), a colunista social Mônica Bergamo recorreu a um suposto “magistrado do STF” para dizer que a prisão dos hackers “não alterou a opinião” dos ministros sobre o ex-juiz Sergio Moro.

“O fato de hackers terem produzido provas ilícitas não impede que elas sejam usadas para beneficiar um réu. No caso, Lula, que acusa Moro de ter sido parcial e pede a anulação do processo do triplex”, escreve a colunista.

“Além disso, os diálogos revelados pelo site The Intercept Brasil não seriam a única evidência da suspeição de Moro. A adesão ao governo Jair Bolsonaro seria até mais forte do que eles. Um outro ministro vai na mesma linha”, acrescenta Bergamo.

Em depoimento à PF, Walter Delgatti Neto, conhecido como “Vermelho”, confessou ter repassado ao militante norte-americano Glenn Greenwald, editor e cofundador do site Intercept, acesso a informações capturadas do aplicativo Telegram.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on reddit
Share on linkedin
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...