- PUBLICIDADE -

‘Fora de contexto’, diz defesa de Bivar sobre ação da PF

'Fora de contexto', diz defesa de Bivar sobre ação da PF
- PUBLICIDADE -

“A busca é uma inversão da lógica da investigação, vista com muita estranheza”, disse a defesa de Bivar.

O presidente do Partido Social Liberal (PSL), Luciano Bivar, foi alvo de uma operação da Polícia Federal (PF), na manhã desta terça-feira (15), por conta do seu envolvimento com candidaturas laranjas na eleição de 2018.

Agentes da PF cumpriram nove mandados de busca e apreensão em endereços ligados à sigla e a Bivar. O objetivo da operação é apurar possível prática de crimes eleitorais e associação criminosa.

A defesa classificou a ação como “fora de contexto”.

Por meio de nota, o escritório do advogado Ademar Rigueira afirmou que o inquérito foi instaurado há 10 meses e que “já foram ouvidas diversas testemunhas e não há indícios de fraude no processo eleitoral”.

“A busca é uma inversão da lógica da investigação, vista com muita estranheza pelo escritório, principalmente por se estar vivenciando um momento de turbulência política”, completa a defesa no comunicado, segundo o site Metrópoles.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -