- PUBLICIDADE -

Fóssil de bilhões de anos facilita o entendimento da evolução animal

Fóssil de bilhões de anos facilita o entendimento da evolução animal

A descoberta do Bicellum Brasieri -- nome dado ao fóssil -- é de extremo valor.

- PUBLICIDADE -

O estudo de um microfóssil, realizado pela Universidade de Sheffield, no Reino Unido, e pelo Boston College, nos Estados Unidos, pode ter encontrado pistas capazes de nos ajudar a entender melhor a teoria da evolução.

Encontrado nas Terras Altas da Escócia, este fóssil de bilhões de anos pode representar a transição dos seres unicelulares para os multicelulares, isto é, seres com uma célula para seres com mais de uma célula.

Uma pesquisa sobre o fóssil foi publicada recentemente no portal Current Biology com o título “Um possível holozoário de bilhões de anos com multicelularidade diferenciada”.

A descoberta do Bicellum Brasieri — nome dado ao fóssil — é de extremo valor.

Este poder ser o primeiro animal multicelular registrado, visto que o Bicellum apresenta dois tipos bem distintos de célula.

Imagem ampliada do Bicellum Brasieri.

Charles Wellman, do Departamento de Ciências Animais e Vegetais da Universidade de Sheffield, comentou:

“As origens da multicelularidade complexa e a origem dos animais são consideradas dois dos eventos mais importantes da história da vida na Terra. Nossa descoberta lança uma nova luz sobre ambos.”

E acrescentou:

“A descoberta deste novo fóssil sugere que a evolução dos animais multicelulares ocorreu há pelo menos um bilhão de anos e que os primeiros eventos anteriores à evolução dos animais podem ter ocorrido em água doce como lagos, e não no oceano”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -