- PUBLICIDADE -

França diz para Itália não se intrometer nos protestos dos ‘coletes amarelos’

França diz para Itália não se intrometer nos protestos dos 'coletes amarelos'
- PUBLICIDADE -

A ministra de Assuntos Europeus da França, Nathalie Loiseau, pediu à Itália nesta terça-feira (8) que não se intrometa nos assuntos internos franceses.

A declaração foi feita depois de os dois vice-premiês da Itália expressarem seu apoio aos protestos dos “coletes amarelos”.

“Eu apoio os cidadãos honestos que protestam contra um presidente que governa contra seu povo”, afirmou o vice-premiê italiano, Matteo Salvini, líder do partido direitista Liga, nesta segunda-feira (7).

O outro vice-premiê Luigi Di Maio, líder do partido antissistema Movimento Cinco Estrelas (M5S), conclamou os “coletes amarelos” a “não cederem” nesta luta que ele apoia, informa a RENOVA.

Segunda o “Estadão”, ao chegar a uma reunião de ministros em Bruxelas, a ministra da França declarou:

Cada governo tem como prioridade ocupar-se do bem-estar e do futuro de seus próprios compatriotas, portanto penso que a prioridade do governo italiano é ocupar-se do bem-estar do povo italiano. Não tenho certeza que interessar-se pelos ‘coletes amarelos’ tenha a ver com o bem-estar do povo italiano

E acrescentou:

Acredito que esse respeito é devido, mas se deve a qualquer país, sobretudo, quando somos vizinhos, aliados e amigos.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -