Português   English   Español

França espera mais violência em protestos dos coletes amarelos

O presidente francês Emmanuel Macron fez um “apelo à calma” nesta quarta-feira (5) com o objetivo de desmobilizar os protestos contra o governo que varrem o país.

O governo da França quer evitar a todo custo que se repitam as cenas de caos dos últimos finais de semana.

Na noite desta quarta-feira (5), o Palácio do Eliseu revelou à agência “AFP” que teme “uma grande violência” nas manifestações convocadas para o próximo sábado.

No momento, as convocações para novos protestos neste final de semana se multiplicam pelas redes sociais em toda a França.

Há três semanas, a França vive protestos convocados pelo movimento popular “coletes amarelos”, que começou com um protesto contra a alta do imposto sobre combustíveis e, agora, reflete uma insatisfação social mais ampla.

Os protestos começam a se estender para outras categorias, como os movimentos estudantis, conforme noticiou a Renova.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter