- PUBLICIDADE -

França proíbe manifestação a favor da Palestina

França proíbe manifestação a favor da Palestina
- PUBLICIDADE -

O conflito recente no Oriente Médio reverbera na França.

Em meio aos ataques de terroristas contra Israel, o governo da França proibiu uma manifestação a favor da Palestina em Paris

O ato em apoio aos palestinos estava previsto para este sábado (15).

A proibição foi determinada pelo ministro do Interior, Gérald Darmanin, que apontou para os “riscos de ameaças à ordem pública“. 

As autoridades do governo de Emmanuel Macron querem evitar as cenas de violência registradas em 2014 durante atos pró-Palestina.

Jean-Luc Mélenchon, líder do partido de extrema esquerda França Insubmissa, criticou a decisão:

“A França é o único país do mundo onde todas as manifestações de apoio aos palestinos e de protesto contra o governo de extrema direita israelense são proibidas. O único objetivo dessa decisão é provocar incidentes e estigmatizar essa causa.”

A Associação Palestinos da região de Paris, que convocou o ato, fala em “provocação, ataque à democracia e cumplicidade da França com o Estado de Israel“. 

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -