Português   English   Español

Frase ‘Haddad é Lula’ confunde eleitor, acusa o MPE

Em parecer enviado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o vice-procurador-geral eleitoral, Humberto Jacques, acusou a coligação “O Povo Feliz de Novo” de confundir os eleitores com a mensagem “Haddad é Lula”.

Para Humberto Jacques, a peça que mostra o presidiário com o poste Fernando Haddad e a vice-poste Manuela D’Ávila confunde o eleitor e dá a ideia de que a chapa é composta por três nomes.

A manifestação do procurador foi feita no âmbito de uma representação do partido Novo contra a peça publicitária da campanha do Partido dos Trabalhadores (PT).

Jaques concordou com as críticas do Novo ao fato de o nome de Lula ocupar espaço muito maior que o conferido ao de Manuela d’Ávila na marca da campanha.

Na avaliação do procurador, a peça difunde a ideia de que o presidiário ainda se encontra na disputa, “criando um ambiente de confusão e incerteza jurídica, a comprometer a normalidade do pleito”.

O PT alegou que a imagem da propaganda “garante o protagonismo do candidato Fernando Haddad”.

 

Adaptado da fonte IstoÉ

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter