- PUBLICIDADE -

Fundador da legenda diz que PT não pode ficar dependente de Lula

- PUBLICIDADE -

Um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT), o ex-ministro Olívio Dutra criticou estratégia da legenda para a campanha eleitoral, disse que vice já deveria ter sido definido antes e pede autocrítica sobre casos de corrupção.

O petista Olívio Dutra é duro quando fala do partido que ajudou a fundar em 1980. Em entrevista à “DW”, ele afirmou:

A esquerda não tem que fazer concessões à corrupção. No PT não deveria ter nenhuma pessoa envolvida nisso, e nós temos um mínimo de pessoas envolvidas nisso. O PT tem que rever isso, se autocriticar, mas seguir adiante.

Dutra defende o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, afirmando que ele “não roubou nem autorizou ninguém a roubar”, mas é crítico quanto à proeminência de Lula dentro do partido.

‘Um partido como o PT não pode ficar dependente de uma única figura, por mais importante que seja, como é o caso do Lula’, afirmou.

 

Adaptado da fonte DW
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -