- PUBLICIDADE -

Fundador do Alibaba some após criticar regime comunista da China

Fundador do Alibaba some após criticar regime comunista da China
Foto: SAUL LOEB / AFP
- PUBLICIDADE -

Sumiço alimenta especulações sobre paradeiro do bilionário em meio a conflito com o PCCh.

Jack Ma, empresário de maior destaque na China, não foi visto em público desde um fórum em Xangai, onde criticou o sistema regulatório do regime comunista. 

O discurso, que aconteceu no final de outubro, o colocou em rota de colisão com autoridades do Partido Comunista Chinês (PCCh), resultando na suspensão do IPO — oferta pública inicial de ações — de US$ 37 bilhões do braço financeiro Ant Group

Desde então, o paradeiro do fundador da Alibaba é desconhecido. 

Foto: MIKE CLARKE/AFP/Getty Images

Recentemente, Jack Ma levou falta no episódio final de um programa de TV em que ele apareceria como jurado. 

Um porta-voz do Alibaba informou ao jornal Financial Times na última sexta-feira, 1º de janeiro de 2021, que o empresário foi substituído como jurado “devido a um conflito de agenda”. 

“Acho que foi dito para ele se calar”, afirmou Duncan Clark, presidente da consultoria de tecnologia BDA China, com sede em Pequim

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -