Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Fundador do Alibaba some após criticar regime comunista da China

Fundador do Alibaba some após criticar regime comunista da China
Foto: SAUL LOEB / AFP
COMPARTILHE

Sumiço alimenta especulações sobre paradeiro do bilionário em meio a conflito com o PCCh.

Jack Ma, empresário de maior destaque na China, não foi visto em público desde um fórum em Xangai, onde criticou o sistema regulatório do regime comunista. 

O discurso, que aconteceu no final de outubro, o colocou em rota de colisão com autoridades do Partido Comunista Chinês (PCCh), resultando na suspensão do IPO — oferta pública inicial de ações — de US$ 37 bilhões do braço financeiro Ant Group

Desde então, o paradeiro do fundador da Alibaba é desconhecido. 

Foto: MIKE CLARKE/AFP/Getty Images

Recentemente, Jack Ma levou falta no episódio final de um programa de TV em que ele apareceria como jurado. 

Um porta-voz do Alibaba informou ao jornal Financial Times na última sexta-feira, 1º de janeiro de 2021, que o empresário foi substituído como jurado “devido a um conflito de agenda”. 

“Acho que foi dito para ele se calar”, afirmou Duncan Clark, presidente da consultoria de tecnologia BDA China, com sede em Pequim

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
1 Comentário
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Sylvio Haas
Sylvio Haas
16 dias atrás

Nas guerras E NA BOCA DE ESQUERDISTAS, a primeira a morrer é a Verade.

PUBLICIDADE