Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Fux se declara suspeito em ação do STF sobre impeachment de Witzel

Witzel diz que fuzilamento de carro no Rio foi ‘erro grosseiro’
COMPARTILHE

A reclamação foi movida pela defesa de Witzel durante o recesso do Judiciário. 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, se declarou suspeito, nesta segunda-feira (3), para julgar a ação que questiona o rito de impeachment adotado pela Assembleia do Rio de Janeiro (Alerj) contra o governador Wilson Witzel (PSC). 

Fux encaminhou o processo para redistribuição entre colegas após afirmar “incompatibilidade”.

Em despacho, o ministro citou o regulamento interno da Corte, que prevê a suspeição de ministros, mas não detalha os motivos que o levaram a se considerar impedido neste caso. 

De acordo com apuração do jornal Estadão, ao se declarar suspeito, Fux quer evitar interferir em um processo político grave em seu Estado de origem. O ministro é do Rio de Janeiro.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários