PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Gabriela Hardt avança com processo do sítio de Atibaia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Hardt negou pedido da defesa do ex-presidente Lula e avançou com o caso do sítio em Ataibaia.

A juíza Gabriela Hardt, que substitui o ex-juiz Sergio Moro na condução da Lava Jato, negou pedido da defesa de Lula por novas diligências e fixou prazos para as alegações finais na ação penal que apura pagamento de propina na reforma do sítio de Atibaia.

O Ministério Público Federal (MPF) terá nove dias para suas alegações, a partir do dia 30. A Petrobras terá dois dias, a partir do dia 11 de dezembro e as defesas terão outros dez dias, contando do dia 13.

Enquanto isso, a defesa de Lula questiona a Justiça Federal do Paraná e o TRF-4 sobre o juiz natural do processo.

Os advogados alegam que Hardt não poderia sentenciar o ex-presidente pois Moro foi exonerado e quem deveria assumir é um outro juiz que ainda deve ser escolhido pelo próprio TRF-4, conforme noticiou a Renova Mídia.

Adaptado da fonte O Antagonista
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.