Português   English   Español

Generais tentam afastar Magno Malta do ministério de Bolsonaro

A peleja entre Bolsonaro e Malta promete continuar até os últimos dias da formação do ministério do futuro governo.

Integrantes do grupo dos generais que auxiliam o presidente eleito Jair Bolsonaro tentam convencê-lo a não indicar o senador Magno Malta para um ministério do novo governo.

A informações foi publicada nesta quarta-feira (14) pelo jornalista Igor Gadelha na revista Crusoé.

Malta, do PR, foi derrotado na busca da reeleição. Aliado próximo Bolsonaro, ele chegou a ser convidado para ser vice na chapa presidencial, mas ficou de fora por decidir buscar mais um mandato de senador pelo Espírito Santo.

A derrota pessoal de Malta tem como alento apenas a eleição de sua mulher, Lauriete, como deputada federal. Ela recebeu 51,9 mil votos e ficou com a penúltima das 10 vagas, segundo informações de O Globo.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter