Português   English   Español

General Augusto Heleno quer fortalecer a Abin

O futuro ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) disse que pretende fortalecer a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) “dentro da lógica de que informação e comunicação são sempre poder”.

O general da reserva Augusto Heleno declarou:

Quando assumir o GSI, pretendo fortalecer a Abin dentro da lógica de que informação e comunicação são sempre poder, e isso precisa estar organizado na próxima gestão. O general Etchegoyen [atual ministro] fez um excelente trabalho e quero me aproximar da Abin quando assumir.

A Abin é responsável por fornecer ao presidente da República e a seus ministros análises estratégicas confiáveis, como informações relativas à segurança do Estado, relações exteriores e defesa externa.

O site da agência acrescenta:

Para cumprir essa missão institucional, os profissionais de inteligência produzem conhecimentos estratégicos por meio da análise de fatos, eventos ou situações que permitam a identificação de oportunidades e ameaças relacionadas à proteção das fronteiras nacionais, à segurança de infraestruturas críticas, à contraespionagem, ao terrorismo, à proliferação de armas de destruição de massa, a políticas estabelecidas com outros países ou regiões, à segurança das informações e das comunicações, à defesa do meio ambiente, à proteção de conhecimentos sensíveis produzidos por entes públicos ou privados, entre outros assuntos.

 

Adaptado da fonte G1

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter