General Heleno critica ex-chanceler petista Celso Amorim

Idiomas:

Português   English   Español
General Heleno critica ex-chanceler petista Celso Amorim
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O general da reserva Augusto Heleno criticou as ações antigas e recentes do ex-ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

Celso Amorim foi o ministro das Relações Exteriores do governo petista de Lula entre 2003 e 2010.

Indicado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro como seu futuro ministro da Defesa, o general Augusto Heleno disse que o ex-chanceler fez “barbaridades” para colocar o Brasil no Conselho de Segurança da ONU como membro permanente.

Em comentário ao jornal O Antagonista, o militar declarou:

Não deu certo. Conseguiu, no entanto, acesso à história pela porta dos fundos. É o primeiro ex-chanceler a usar vários diplomatas a ele ligados em uma campanha no exterior contra o seu próprio país, mentindo sobre a prisão de Lula. Atitude impatriótica, vergonhosa e injustificável.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque